quinta-feira, junho 07, 2007

Experiência assustadora

Joshua Bell, um dos mais famosos violinistas do Mundo, tocou incógnito durante 45 minutos numa estação de metro de Washington, despertando pouca ou nenhuma atenção. Ninguém reparou também que o violinista tocava com um Stradivarius de 1713 - que vale 3,5 milhões de dólares.

Três dias antes, Bell tinha tocado no Symphony Hall de Boston, onde os melhores lugares custam 100 dólares, mas na estação de metro foi ostensivamente ignorado pela maioria.

A provocatória iniciativa foi da responsabilidade do jornal "Washington Post", que pretendeu lançar um debate sobre arte, beleza e contextos.

"Foi uma sensação muito estranha ver que as pessoas me ignoravam. Num concerto, fico irritado se alguém tosse ou se um telemóvel toca. Mas no metro as minhas expectativas diminuíram. Fiquei agradecido pelo mínimo reconhecimento, mesmo um simples olhar." disse Bell

Depois de ver o vídeo, até me senti chocada! Como é possível? Mesmo que fosse um músico desconhecido...
Depois de pensar um pouquito, reconheço que, de facto, a música-ambiente está a banalizar esta arte. Há música em todo o lado...

3 comentários:

Margarida disse...

Olá,

De qualquer maneira, Viva a Música! A boa, erudita ou popular, não interessa!

Mas é realmente inacreditável...

Sem mais palavras, só desejo um bom fim-de-semana com música, claro!

AP disse...

E, de facto, vai ser mais um fim-de-semana de MÚSICA.

VIVA A MÚSICA, CLARO!

Bom fim de semana também para ti
:-)

Anónimo disse...

é incrível como podemos "andar" tão distraídos!...