quarta-feira, março 19, 2008

A Cultura Politécnica no seu melhor!

Ontem fui a um concerto. Nada de novo :)

No entanto, foi um momento inovador, na medida em que tivemos o privilégio de ouvir um Ensemble especial, constituído por alguns dos professores da Escola Superior de Artes Aplicadas (ESART): Caio Pagano (Piano), Carlos Piçarra Alves (Clarinete), Catherine Strynckx (Violoncelo), Daniel Rowland (Violino) e Paulo Álvares (Piano). Ainda para mais, interpretaram o Quarteto para o Fim dos Tempos de Olivier Messiaen e Contrastes para Clarinete, Violino e Piano de Béla Bartók.
Com certeza, estes nomes serão já familiares, talvez como solistas ou mesmo como professores. Agora imaginem todos juntos num Ensemble... FABULOSO!
Destaco, sem dúvida, o clarinetista Carlos Alves por vários motivos: foi meu colega no Conservatório Regional de Castelo Branco, tem vindo a revelar um trabalho de extraordinária qualidade e, acreditem, ontem deixou-me estupefacta com os pianíssimos que conseguiu tirar do clarinete... quase impossíveis!

O concerto assinalou o lançamento de um CD promovido pela própria ESART.

2 comentários:

Fernando Vasconcelos disse...

Bem o Daniel Rowland já tive a oportunidade de o ouvir por várias vezes quer quando era concertino da Gulbenkian quer também a solo num dos concertos dos Violinhos de que foi convidado e tocou com António Rosado uma sonata lindíssima. É um excelente violinista sem dúvida. "Malta" do Porto não percam o concerto !

AP disse...

É, sem dúvida, brilhante! No entanto, destaquei o clarinetista exactamente por ser menos conhecido e, apesar de tudo, igualmente brilhante. E, para mais, português :)