segunda-feira, fevereiro 04, 2008

Há uns anitos atrás...

Com oito anos, experimentando um corne inglês no Estágio para Sopros organizado pela Banda da Amizade, em Aveiro.
Agora frequenta o 4º grau e pretende candidatar-se ao seu primeiro concurso nacional de sopros. Acreditam que o faria se não tivesse começado tão cedo?
Os anos do ensino preparatório são fundamentais para lhes assegurar uma base sólida para um curso exigente. Os nossos jovens necessitarão competir ao nível europeu (e não só!). Há que lhes garantir qualidade no ensino. Pensemos no futuro!!!
Defesa do Ensino Artístico em Portugal
Contra o Fim do Ensino Especializado da Música em Portugal
Assinem e divulguem...

2 comentários:

Fernando Vasconcelos disse...

Sem duvida nenhuma. Há que lutar para que este disparate não passe de uma alucinação. Porque mais uma vez se preocupa em acabar com o que pode ser melhorado em vez de o melhorar ... A mania da tábua rasa, é como lhe chamo. O incomodo de começar com base naquilo que outros começaram e melhorar. É que é óbvio que é necessário melhorar mas isso não significa acabar primeiro com as poucas coisas que até funcionam.

AP disse...

O stalker deu uma sugestão que me parece muito boa...